Capital de Giro: o que é, por que é importante para o seu e-commerce e como calcular

por | 31 de janeiro de 2024 | Empreendedorismo

O que você vai encontrar nesse artigo?

O capital de giro é um importante recurso para manter a saúde financeira de uma empresa, calculá-lo permite que o empreendedor possa continuar investindo em seu negócio mesmo em períodos de baixas vendas .

Seja para uma empresa que está iniciando suas vendas ou para um negócio com maior maturidade, para continuar a funcionar é preciso que possua capital em seu caixa para que, caso tenha algum imprevisto ou suas vendas não sejam maiores que seus gastos, haja maneiras para investir em seus produtos e pagar contas, funcionários etc.

Quando falamos sobre capital de giro, estamos falando a respeito de um recurso que garante que um negócio continue a estar saudável, e é sobre isso que falaremos nesse artigo, além de dicas, sua importância e como o calcular. Tenha uma boa leitura!

O que é Capital de Giro? Como funciona na prática?

O capital de giro, também conhecido como capital circulante, é o dinheiro que uma empresa tem à sua disposição para cuidar das suas atividades diárias.

Este recurso financeiro é essencial para o bom funcionamento de qualquer negócio, independente do seu tamanho ou setor. 

O capital de giro garante que a empresa possua recursos financeiros suficientes para cumprir todas as suas obrigações financeiras, como pagar contas e salários dos funcionários. 

Além disso, esse recurso também permite que a empresa mantenha suas operações, mesmo em tempos de incerteza ou dificuldade econômica, o que garante a continuidade dos negócios e a estabilidade financeira.

Vamos usar uma loja online como exemplo para entender o capital de giro:

Imagine que essa loja tem R$100.000 em dinheiro, R$200.000 em contas a receber e R$50.000 em estoque, que são seus ativos correntes. Por outro lado, ela tem R$150.000 em contas a pagar e R$20.000 em salários a serem pagos, que são seus passivos correntes.

Agora, para calcular o capital de giro, é só fazer uma conta simples: somamos os ativos correntes (R$100.000 + R$200.000 + R$50.000) e subtraímos os passivos correntes (R$150.000 + R$20.000). O resultado é R$180.000, que é o capital de giro.

Esse valor é como um “dinheiro disponível” para a loja. É o dinheiro que ela tem para cuidar das atividades do dia a dia, pagar contas, salários e manter suas operações mesmo se as vendas tiverem algum problema. Mais à frente explicarei melhor sobre a fórmula para calcular o Capital de Giro.

Tipos de capital de giro

É possível dividir o capital de giro em diferentes tipos, sendo capital de giro líquido, giro negativo, giro próprio e giro associado a investimentos:

  • O capital de giro líquido é o valor total de ativos correntes/circulares (como contas a receber, estoques) menos passivos correntes (como contas a pagar, empréstimos de curto prazo).

    Exemplo: Se uma empresa possui R$100.000 em ativos circulantes e R$60.000 em passivos circulantes, o capital de giro líquido seria R$40.000.
  • O capital de giro negativo ocorre quando uma empresa tem mais passivos correntes do que ativos correntes, ao contrário do líquido.
  • O capital de giro próprio é o capital que é gerado internamente pela empresa.
  • Já o capital de giro associado a investimentos é o capital que é obtido por meio de investidores externos.

Por que é importante ter capital de giro para um e-commerce?

contas a pagar papeis

Ter um capital de giro alinhado com os gastos é de vital importância para a saúde financeira de um negócio, seja ele físico ou on-line.

Este recurso financeiro permite que a empresa possa continuar a investir em seu estoque, pagar fornecedores, passar por eventuais problemas ou gastos inesperados, entre outras situações, enquanto o seu negócio não recebe retorno financeiro sobre o que está vendendo.

Um exemplo, é um empreendedor que está iniciando sua jornada ao vender on-line, ele irá necessitar de capital de giro para arcar com gastos iniciais enquanto suas vendas não forem maiores que seus custos e despesas, pois será necessário ter dinheiro em caixa para continuar a investir em produtos. 

Sem um capital de giro suficiente, um e-commerce pode enfrentar dificuldades financeiras, lutando para manter operações diárias e, em casos extremos, pode até ir à falência. Portanto, a gestão eficaz do capital de giro é um elemento chave para a sobrevivência e crescimento saudável de um negócio.

Como calcular o capital de giro?

Calcular o capital de giro de um negócio é crucial para garantir que a empresa tenha os recursos necessários para operar saudavelmente, como já foi dito nos tópicos anteriores.

Para isso, é importante ter uma análise de dados de seus gastos e investimentos para saber o fluxo de caixa de seu empreendimento, ou seja, o quão você gasta, recebe e o quanto (em termos de tempo e dinheiro) o capital de giro será capaz de suprir as necessidades do seu negócio caso haja algum problema ou necessidade.

Com esses dados em mãos, você poderá calcular o seu capital de giro:

Passo a passo e fórmula para calcular o Capital de Giro de seu e-commerce

Para calcular o capital de giro líquido, siga os seguintes passos básicos:

  1. Identifique os ativos circulantes: como contas a receber, valor do estoque e investimentos de curto prazo.
  2. Identifique os passivos circulantes: como contas a pagar, empréstimos de curto prazo e outras obrigações de curto prazo.
  1. Por fim, calcule o Capital de Giro Líquido: Capital de Giro = Ativos Circulantes – Passivos Circulantes (CGL= AC – PC)

Agora, vamos relacionar isso com o cenário do e-commerce. Considere uma pessoa que administra uma loja online:

Exemplo de cálculo:

Suponha que o valor total de contas a receber (os ativos circulantes) seja R$50.000 e estoque seja R$30.000.

Já as contas a pagar (os passivos circulantes) seja R$20.000 e os empréstimos de curto prazo seja R$10.000.

Capital de Giro = (R$ 50.000 + R$ 30.000) – (R$ 20.000 + R$ 10.000) = R$ 50.000

Nesse exemplo, o capital de giro é positivo, indicando que há recursos disponíveis para cobrir as obrigações de curto prazo.

O que é positivo para a saúde financeira do negócio, pois significa que a empresa tem folga para lidar com imprevistos ou aproveitar oportunidades.

Dicas de como manter um capital de giro saudável para o seu negócio

Para garantir que você e o seu negócio estejam sempre em uma posição financeira saudável, algumas dicas úteis incluem:

  1. Mantenha um controle rigoroso e detalhado sobre todas as suas despesas;
  2. Tenha uma organização de suas contas e as datas em que elas vencem;
  3. Busque constantemente formas de aumentar as vendas;
  4. Negocie as melhores condições de pagamento e seus prazos;
  5. Analise constantemente os dados seu e-commerce;
  6. Procure formas de reduzir seus custos e despesas;
  7. Utilize a tecnologia ao seu favor:

1. Mantenha um controle rigoroso e detalhado sobre todas as suas despesas

Manter um registro preciso de todos os seus custos é fundamental, o que inclui desde os operacionais, como despesas com funcionários, marketing e logística, até os gastos menores e mais frequentes. 

Esse controle detalhado permite uma visão clara das finanças, facilitando a identificação de áreas onde é possível economizar.

2. Tenha uma organização de suas contas e as datas em que elas vencem

Organização é a chave para evitar atrasos e multas. Manter um calendário com as datas de vencimento de contas a pagar e salários ajuda a garantir que todos os compromissos financeiros sejam cumpridos pontualmente. 

Essa prática evitará surpresas desagradáveis e preservará a reputação financeira da empresa. 

Uma dica extra é mudar o vencimento de seus boletos, se possível, para dias após o recebimento do valor de suas vendas, por exemplo após a data que costuma receber o dinheiro do que vendeu em marketplaces em que sua loja atua.

3. Busque constantemente formas de aumentar as vendas

Buscar constantemente formas inovadoras para o seu negócio aumentar as vendas é necessário para criar estratégias que cresçam o seu faturamento. Promoções, parcerias estratégicas e a oferta de produtos exclusivos podem atrair novos clientes e fidelizar os existentes, contribuindo diretamente para a saúde do capital de giro

4. Negocie as melhores condições de pagamento 

Negociar as melhores condições de pagamento e prazos com fornecedores, por exemplo, é uma prática que pode ajudar empreendedores a ter melhores preços. Em datas sazonais isso se torna essencial para poder oferecer posteriormente melhores promoções e adquirir mais clientes.

Pode-se buscar descontos por pagamento antecipado, parcelamentos flexíveis ou prazos mais extensos. Essas negociações podem aliviar a pressão sobre o capital de giro e otimizar a gestão financeira.

5. Analise constantemente os dados do seu e-commerce

Realizar uma análise de dados do seu e-commerce de maneira constante auxilia a entender os erros e acertos de suas estratégias, e, assim, a saúde financeira de seu negócio para que não tenha problemas em manter seu capital de giro aliado às suas necessidades.

6. Procure formas de reduzir seus custos e despesas

Para manter seu capital de giro mais estável e saudável, busque formas para reduzir seus gastos e assim aumentar o seu lucro, o que pode ser feito através da análise de dados que falamos anteriormente. 

Entenda se há desperdícios, produtos há muito tempo parados em seu estoque, e saiba diferenciar o que é custo e o que é investimento para o seu negócio.

7. Utilize a tecnologia ao seu favor

A tecnologia oferece diversas ferramentas para otimizar a gestão financeira, o que inclui sistemas integrados de contabilidade, softwares que possibilitam a análise de dados e automação de processos como hubs e ERPs, entre outras ferramentas que podem facilitar o monitoramento e controle do capital de giro.

Em resumo, manter um capital de giro saudável para um e-commerce exige uma abordagem estratégica e proativa. 

E, ao falar de tecnologia, a Magis5 é um hub de automação que traz para empreendedores que vendem através do e-commerce e marketplaces soluções para automatizar seus processos com funcionalidades que vão desde integração até relatórios financeiros e que pode te ajudar a manter um capital de giro saudável.

Para empresas que estão crescendo, é essencial possuir um hub que automatize e melhore sua gestão de maneira simples e prática. Conheça a Magis5 e todas suas funcionalidades.

Não fique de fora de nenhum conteúdo

Receba novidades

CATEGORIAS

3

E-commerce

3
EMPREENDEDORISMO
3

Ferramentas e Materiais

3

Logística

3

Magis5

3

Marketplaces

3

Transformação Digital

ebook mercado livre

Veja também

Mais lidos

Janiel Bruno Brasil

Janiel Bruno Brasil

Redator de Conteúdo e Copywriter na Magis5, apaixonado por escrever e entregar conteúdo criativo. Para entrar em contato com Janiel, envie um e-mail a: janiel.brasil@magis5.com.br
Não fique de fora de nenhum conteúdo

Receba novidades